Arquivo | janeiro, 2009

Morrissey libera clipe de nova música de trabalho na internet

19 jan

O próximo disco solo de Morrissey, “Years Of Refusal”, só sai dia 16 de fevereiro, mas o clipe da primeira música de trabalho já está disponível na internet. A música se chama “I’m Throwing My Arms Around Paris”, e, segundo o cantor afirma em seu blog oficial, é um “hino cosmopolita à arquitetura”. A canção foi composta por Morrissey junto ao guitarrista Boz Boorer.

Morrissey

Morrissey

O ex-líder da banda britânica The Smiths disse recentemente que pretende se aposentar, o que significa que “Years Of Refusal” pode ser o último álbum de Morrissey.

Assista na íntegra o novo vídeo:

Anúncios

Colunista inglês culpa David Bowie pela crise econômica mundial

19 jan

Ele sempre criou tendência, desde os cabelos ruivos aos shows teatrais. Mas agora David Bowie recebe os créditos de ter criado algo não tão glamuroso: a atual crise econômica.

David bowie
O colunista Evan Davis publicou em um artigo no jornal Daily Mirror da última segunda-feira (12) a possível relação entre o cantor britânico, dono dos sucessos “Starman” e “The Man Who Sold The World”, e a atual crise no sistema de crédito bancário que aterroriza os economistas: “Até mesmo quando se pensa em finanças Bowie abriu caminhos – lá em 1997 ele fez algo chamado ‘securitização'”.

Securitização nada mais é do que transformar ativos (dinheiro, equipamentos, ou qualquer patrimônio de valor) nos chamados “títulos mobiliários”, passíveis de negociação.

O que Bowie fez em 1997 foi vender parte dos direitos de suas músicas em forma de títulos, chamados “Bowie Bonds”, a quem se interessasse. O motivo disso era movimentar uma grande quantia de dinheiro em pouco tempo com as vendas destes Bowie Bonds, em vez de ter que esperar anos até que o dinheiro vindo dos direitos autorais somasse uma quantia significativa.

Davis explica que esta jogada financeira de David Bowie inspirou os bancos a fazer o mesmo, numa escala muito maior. “Os bancos compraram a idéia. Eles pensaram “temos bilhões em hipotecas que vamos receber aos poucos. Porque não as vendemos e conseguimos o dinheiro agora?”, explica o colunista.

O colunista encerra dizendo que “era tudo muito estiloso quando Bowie fez isso daquela vez. Dez anos depois não é mais.”, e dá um conselho: “O mais sensato para se fazer é ser um pouco mais cauteloso com dinheiro no momento”.

Kraftwerk e Radiohead Juntos no Brasil

8 jan

Pois é 2000inove já vai começar bem animado e todos estão com expectativas para o festival Just a Fest que acontecerá em são paulo e no Rio de janeiro.

Com preços de 200 reais inteira e 100 reais meia entrada

Kraftwerk

Kraftwerk

Grupo de música eletrônica alemão se apresenta na mesma noite em que o Radiohead

Mais uma apresentação de peso confirmada no festival just a Fest. O grupo alemão Kraftwerk se junta a escalação do festival Just a Fest, que havia divulgado inicialmente o nome do grupo inglês Radiohead para o festival.

Kraftwerk, considerado precursor da música eletrônica, e os ingleses do Radiohead se apresentam no Rio de Janeiro, em 20 de março, e em São Paulo, 22 de março.

SERVIÇO:
Festival JUST A FEST . Atrações confirmadas: Radiohead e Kraftwerk
20 de março no Rio de Janeiro e 22 de março em São Paulo
Praça da Apoteose (RJ) e Chácara do Jóquei (SP)
R$ 200 . Meia R$ 100
Censura: 16 anos
venda de ingressos aqui.

Radiohead

Radiohead

radiohead

radiohead


“Enquanto alguns questionam se o Radiohead é a melhor banda do mundo, uma afirmação não se pode negar: seus clipes são absurdos de bons. Desde o início da banda, em 1986, Thom Yorke e seus comparsas chamaram atenção por revelar uma série de novos talentos cinematográficos, com produções artísticas sempre bem cuidadas.

Para aproveitar o clima de celebração de dez anos do Resfest, nada como uma retrospectiva especial da banda responsável por alguns dos discos mais importantes do rock contemporâneo como “The Bends” e “OK Computer”. Com uma mão do curador Dilly Gent, foram selecionados os melhores trabalhos da década passada.

Entre os artistas revelados pela videografia do Radiohead estão Jonathan Glazer (”Street Spirit” e “Karma Police”), Chris Hopewell (”There, There”), Shynola (”Pyramid Song”) e outros tantos. “No Surprises”, “Go To Sleep” e “Paranoid Android” também não poderiam ficar de fora, é claro.


As raridades incluem a animação de Monkey Hub para a versão acústica de “Creep”, vídeos para a televisão, um comercial para Kid A e a cereja do bolo “Harrowdodn Hill“, do disco solo do Thom Yorke, The Eraser”.
(fonte: Resfest)